16 abril 2011

Assunto: Se não gosta de gíria, fale certo então!!


SE NÃO GOSTA DE GÍRIAS...

Estava com o amigo José junto da figueira frondosa nestes dias já quentes de primavera, numa prosopopéia flácida para acalentar bovinos(1) em colóquio sonolento para fazer bovino repousar(2) e não querendo romper a face(3)  nem creditar o primata(4)  encontrava-se a conversa numa de inflar o volume da bolsa escrotal(5), com uma vontade danada de derrubar, com a extremidade do membro inferior, o sustentáculo de uma das unidades de proteção solar do acampamento(6),quando a uma pergunta do José tive de  deglutir o batráquio(7), numa de raiva incontida capaz de derrubar com intenções mortais(8)e aplicar a contravenção do João, deficiente físico de um dos membros superiores(9), não desarmando a minha prosa na consideração de um longo pedaço de madeira(10) batendome na ideia e não considerando a possibilidade de a fêmea bovina expirar fortes contrações laringo-bucais(11), acrescentando a minha convicção de considerar, a utilização de uma relação sexual(12), disse a José que a linha da conversa estava quase terminada pois a minha vontade era tanta que era capaz de, derramar água pelo chão, através do tombamento violento e premeditado de seu recipiente com a extremidade do membro inferior(13), para ele retirar o filhote de equino da perturbação pluviométrica(14) e que a bucéfalo de oferendas não perquiris formação ortodôntica! (15) , lhe fiz uma advertencia para os fins de semana, feriados, festas e demais repastos em oferendas de amigos.
Que orifício circular corrugado, localizado na parte ínfero-lombar da região glútea de um indivíduo em alto grau etílico, deixa de estar em consonância com os ditames referentes ao direito individual de propriedade. (16)  

Anotações:
1 - (Conversa mole pra boi dormir);
2 - (História pra boi dormir);
3- (Quebrar a cara);
4 - (Pagar o mico);
5 - (Encher o saco);
6 - (Chutar o pau da barraca);
7 - (Engolir o sapo);
8 - (Cair matando);
9 - (Dar uma de João sem braço);
11- (Nem que a vaca tussa);
12 - (Nem fudendo);
13 - (Chutar o balde);
14 - (Tirar o cavalinho da chuva);
15 - (A cavalo dado não se olham os dentes!);
16 -  (Cú de bebado não tem dono)

2 comentários:

Kazon Kazon Indústria de Cosméticos disse...

Olá, somos uma indústria de cosméticos localizada na capital Mineira. Gostei muito do seu blog e gostaria de lhe convidar a seguir o nosso. O endereço é: http://kazonpresente.blogspot.com/. Será um prazer ter você como seguidora.
Obrigada.
Karyne Araújo.
Assessora Comunicação Kazon.
comunicação@kazon.com.br

Eliana Gerânio Honório. disse...

Muitas saudades.

Não visito sempre porque a conexão não ajuda.

Aqui é tudo muito saudável.

Beijão!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin